Dicas de sexo tântrico

Dicas de sexo tântrico

Você já precisa ter ouvido direto para os praticantes de coito tântrico abrange uma alma do corpo mais desenvolvida, que uma força criada ao longo de uma correlação gera uso e que orgasmos duram mais tempo. Tudo isto é verdade, garantem os especialistas. Porém, para alcançar este ponto, é necessário um abalroar em treinamento – e várias vezes a isso está relacionado com o estilo de vida.

Uma massagem é um dos recursos principais do coito tântrico, além do mais, alguns treinos mentais e corporais auxiliares da ativação da força sexual, uma tragada “kundalini”. A execução é recomendada para todo o formulário de casal afeito a adestrar-se, sem limites de idade ou preferências sexuais.

A psicóloga clínica Judy Kuriansky, autora do livro “O Acompanhador Completo do Coito Tântrico” (Editora Madras), e os terapeutas corporais Gabriel Saananda e Roberta Jaloretto, do Espaço Acompanhador do Ser, ensinam os dez primeiros passos para iniciantes, que buscam novas experiências prazerosas.

1. Tempo e coincidência Reserve o pelo menos um dia na semana para fazer uma massagem tantra com seu parceiro. O horário da manhã é sugerido, depois de uma ótima noite de sono. Antes de iniciar, Judy Kuriansky recomenda: “É necessário que o casal esteja em conformidade. Aflar e acabar acompanhados até estarem sem inclusão energético “, diz.

2. Explore o outro A mulher pode iniciar aplicando uma massagem no homem.A clínico Roberta Jaloretto aconselha: “Toque todo o corpo dele procurando provocar receptividade para exigências que pode ser esclarecido. A ideia é abalar ‘o todo’ por meio de toques suaves, trabalhando em pele com toques bem relaxantes “, diz.

3. Não há aceleração A massagem tântrica não combina com aceleração nem sequer pressão. É necessário degustar uma experiência, o caminho, sem focalizar tanto no entendimento. Estar em alojamento de acolhimento e massagem é especificamente provado para o homem, que aprende um moderador e adiar o seu agradar. Ele precisa ficar de meia momento até uma vez apenas curtindo os toques, sem ejacular. “É uma brincadeira que funciona como treinamento”, ensina Gabriel Saanandra.

4. Deliciosos artifícios De acordo com Saanandra, você similarmente pode usar como unhas, os cabelos ou um lenço de seda para realizar uma massagem. “Isto faz com que a pele fique abaladiço e acordado – ele una vez arrecada”. É sugerido usar texturas e achincalhar com como sensações de quente e frio; use uma apreensão!

5. Inverta os papéis O homem similarmente precisa massagem a mulher: são toques longos e circulares, que ligam duas exigências do corpo – uma vez mais, um outro destino: o alteamento com o barulho, os genitais com um abdômen, como costas com o abdome. Há uma grande diversidade de óleos especiais para massagem. Porém, na falta de um produto exclusivo, você pode usar o hidratante que tiver em casa.

6. Respire, suspire … A respiração é parte fundamental ao longo todo o processamento. A influência precisa ser profunda e exalação bem relaxada. “Força resultante para dentro e descansar no momento de abjugar o ar”, ressalta Saanandra. Ao longo do postura, gema, suspire, não há humilhação de apresentar como sensações boas da massagem por meio de filhos.

7. Atenção sem atenção Olhar nos olhos é uma execução básica do coito tântrico. Judy Kuriansky, autora de “O Acompanhador Completo do Coito Tântrico”, recomenda o olhar fixamente para um chama de uma barco a vela por um tempo para reproduzir a concentração essencial para intensas trocas de olhares. É aconselhável fazer o treino antes de dormir. Você também pode, ao avesso de olhar, ser receptivo e acolher o olhar do outro.

8. Crie rituais amorosos Ingerir banho acompanhados, abrigar aquela roupa sui generis, adotar um perfume estimulante … Estes pequenos ritos preparam para uma troca de amor mais íntima. O local precisa estar aberto, com luz na indicador.

Uma roupa de cama pode ser usada para abrir, para reforçar o conforto, disponha similarmente algumas almofadas. Posicione items que simbolizem os quatro abc: uma barco para vela para o fogo, um líquido para uma água, uma bandeira para o ar, uma alta para a mundo.

9. Entenda a calma tantra “Este não é o coito que como conhecido. O tantra procura explicar e auxiliar como uma questão de excitarem com o achacado e não com genital “, camarote Gabriel Saananda. A calma aciona uma maior ligação com seu servidor, expansão de alma e apreensão do corpo. “Dentro da cura tântrica você vai adestrar-se a aguentar com suas sensações, um abuso resultante para a sua vida”.

10. Ache sua agência e um processo clínico. Associação de oficinas e vivências tântricas é uma ótima pedida para os novatos no coito tântrico. Há uma diversidade de treinamentos – em grupo, indivíduos, para casais, de longa ou curta duração – que variam de acordo com um espaço de calma. Como não é uma compilação e nem sequer uma temporada em cura tântrica, fique de atenção no momento de adotar um profissional.

O profissional tem que ser adaptado em técnicas de massagem, com aperfeiçoamento em tantra, e é primordial que você se sinta agasalhado com ele. O toque faz parte da cura, mas não há coito abrangente ao longo como sessões. “Com o clínico você vai reproduzir uma confiabilidade e técnica para que você seja capaz de adaptar-se a um dia”, explica Roberta.

Sites de massagem tântrica:

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *